Posts Tagged ‘ Johann Sebastian Bach ’

‘Musicalische Exequien’, de Heinrich Schütz

Na passagem do quadringentésimo trigésimo sexto aniversário do nascimento de Heinrich Schütz [1585-1672], considerado o compositor alemão mais importante antes de Johann Sebastian Bach, o motete sacro Musicalische Exequien, de 1636.


Musicalische Exequien, SWV 279: Concert in Form einer teutschen Begräbnis-Missa: Also hat Gott die Welt geliebt
Álbum: Schütz: Musicalische Exequien – Ricercar, 2011
Intérpretes: Ensemble Vox Luminis, com direcção de Lionel Meunier.

Masaaki Suzuki – Paixão de São Mateus BWV 244

O maestro japonês Masaaki Suzuki [ Kobe, 29 Abril 1954 – ], Director Musical do Bach Collegium Japan desde a sua fundação em 1990, tornou-se uma das principais autoridades na obra Bach. Susuki, que combina a carreira de regente com o trabalho como organista e cravista, dirigiu já as principais obras corais de Bach e as obras completas para cravo.
O ano de 2014 ficou marcado pelo concerto na Casa da Música e pelo enriquecimento da impressionante discografia com os 55 volumes da gravação completa das
Cantatas, iniciada em 1995.
Fica o coro e coral introdutórios Kommt, ihr Töchter, helft mir klagen, do disco Paixão Segundo São Mateus BWV 244 (2020).


Dia Europeu da Música Antiga e de J.S.Bach

No início da Primavera, a REMA (Réseau Européen de Musique Ancienne / European Early Music Network) e a EBU (União Europeia de Radiodifusão) organizam desde 2013 o Dia Europeu da Música Antiga com a realização de concertos em diversos países. Simultaneamente, assinala-se o aniversário do nascimento de Johann Sebastian Bach [21 Março 1685 – 28 Julho 1750].


Álbum: Bach: ‘Meins Lebens Licht’ – Cantatas BWV 45-198 & Motet BWV 118, 2021
Collegium Vocale Gent, direcção de Philippe Herreweghe

‘Sur les traces de J.-S. Bach.’, de Gilles Cantagrel


Gilles Cantagrel, musicólogo, antigo director da France Musique, especialista em música barroca e membro da prestigiada Sociedade Bach de Leipzig, tem ao longo dos últimos 50 anos vasta obra dedicada a Johann Sebastian Bach [1685-1750].
Em Fevereiro último foi editada pela Buchet / Chastel a sua última obra sobre o génio de Eisenach, Sur les traces de J.-S. Bach.

 

In Memoriam Gustav Leonhardt – ‘Die Katze lässt das Mausen nicht’

No nono aniversário da morte de Gustav Leonhardt [1928-2012], o último movimento da cantata secular de Johann Sebastian Bach BWV 211, “Schweigt stille, plaudert nicht” (“Silêncio, não converse”) – também conhecida como “Cantata do Café,-, o Trio “Die Katze lässt das Mausen nicht” (o gato não deixa o rato passar).


Barbara Bonney · Christoph Prégardien · David Wilson-Johnson
Orchestra Of The Age Of Enlightenment · Gustav Leonhardt

‘Ton Koopman plays Bach’

No dia do septuagésimo sexto aniversário de Ton Koopman, a sublime composição para órgão de Johann Sebastian Bach [1685-1750]- Toccata, Adagio and Fugue in C, BWV 564.


O Cravo Bem-Temperado nos 270 anos da morte de Bach

O Cravo Bem-Temperado de Johann Sebastian Bach [1685-1750], consiste numa colecção de dois volumes de música para teclado, cada um contendo 24 prelúdios e fugas, utilizando todas as tonalidades do teclado. O Livro I, BWV 846-869 foi escrito em Weimar (1722) e o Livro II, BWV 870–893 pertence ao período de Leipzig (1739-1742).
O respeitado Maestro e cravista inglês Trevor Pinnock decidiu subir esta montanha – “uma das mais enriquecedoras experiências da sua vida”, tendo lançado em Abril passado a sua primeira gravação do Livro I (Deutsche Grammophon).


J.S. Bach: The Well-Tempered Clavier, Book I, BWV 846-869
Prelude & Fugue In C Major, BWV 846 – I. Prelude · Trevor Pinnock

J.S. Bach: The Well-Tempered Clavier, Book 1, BWV 846-869
Prelude & Fugue in B Minor, BWV 869 – II. Fugue · Trevor Pinnock

‘Homage to J.S. Bach’, de Georges Braque

Georges Braque [13 Mai 1882 – 31 Ago 1963], que possuia formação musical e tinha Johann Sebastian Bach entre os seus compositores favoritos, produziu ‘Homage to J.S. Bach’ durante o inverno de 1911-12, no final de um período em que partilhou o estúdio com Pablo Picasso.
Com esta obra, Braque introduziu a técnica da imitação de madeira como Trompe-l’œil no cubismo.

Georges Braque [13 Mai 1882 – 31 Ago 1963] – Homage to J. S. Bach, 1911-12
Moma, New York

Johann Sebastian Bach por Ton Koopman

De Johann Sebastian Bach [31 Março 1685 – 28 Julho 1750],
o Prelúdio e fuga em lá menor, BWV 543. Solista no órgão, Ton Koopman.

‘Dutch Baroque School’ plays Bach

Violoncelista principal da Royal Concertgebouw Orchestra Amsterdam entre 1962 e 1968, Anner Bylsma [1934-2019] foi o grande pioneiro da interpretação historicamente informada com o violoncelo.
A parceria com Frans Brüggen [1934-2014] e Gustav Leonhardt [1928-2012] contribuiu para a divulgação do repertório barroco.
A sua gravação das Suites para violoncelo solo de Bach foi a primeira com instrumento de época.
Para um conhecimento mais pormenorizado do trabalho de Anner Bylsma, fica esta ligação (via Cristina Fernandes).

Johann Sebastian Bach – The Complete Sonatas For Flute and Continuo
Frans Bruggen, baroque flute | Gustav Leonhardt, harpsichord | Anner Bylsma, barockvioloncello


%d bloggers like this: