Posts Tagged ‘ Motetos ’

‘O splendor gloriae’, de John Taverner

Para celebrar a música de John Taverner [c. 1490 – 18 Outubro 1545],  ao lado do contemporâneo Tomas Tallis [c. 1505 -1585], indubitavelmente os mais notáveis compositores de música sacra do Renascimento inglês no seu tempo, o moteto O splendor gloriae para cinco vozes, uma das obras-primas da polifonia britânica do séc. XVI incluídas no álbum ‘The Phoenix Rising‘[2012], interpretado pelo Grupo britânico Stile Antico que tive oportunidade de ouvir em Outubro de 2011 na Sé de Évora.


Claudin de Sermisy

Claudin de Sermisy [c.1490 – 13 Outubro 1562], compositor natural de Paris, esteve a maior parte da sua existência como cantor e mestre de coro ao serviço da corte francesa. Foi autor de uma dúzia de missas, publicou três livros de motetos, tendo no entanto sido a centena e meia de canções polifónicas por si compostas que lhe trouxeram maior notoriedade.

Resurrexi, et adhuc tecum sum, do álbum Sermisy: Tenebrae, Motets [1984], interpretado pelo Ensemble Clément Janequin, fundado em 1978 por Dominique Visse e especializado em música francesa do período de transição entre o Renascimento e o Barroco.


%d bloggers like this: