Posts Tagged ‘ Standards ’

“A Garland of Red”

O álbum de estreia do Trio do pianista de jazz Red Garland [1923-1984], com Paul Chambers no baixo e Art Taylor na bateria, foi gravado para a Prestige a 17 Agosto 1956, precisamente há 65 anos, num período de grande afirmação artística de Garland, já que  integrava o Quinteto de Miles Davis desde 1954, colaboração que se manteria até 1958.
Fica o standard What Is This Thing Called Love? escrito em 1929 por Cole Porter.


‘Our Man in Jazz’, de Sonny Rollins

Quase a completar 90 anos, o colosso do saxofone Sonny Rollins pertence ao restrito grupo de músicos que gravaram na vibrante década de sessenta e que ainda estão vivos. As qualidades que o levaram a ser apelidado de “the greatest living improviser” estão bem presentes ao longo do álbum ‘Our Man in Jazz’.
O standard ‘Oleo’ e a composição ‘Doxy’, originalmente interpretados com Miles Davis em 1954, foram gravados ao vivo em Greenwich Village, New York, a 29 de Julho de 1962.


Sonny Rollins – saxofone tenor | Don Cherry – corneta | Bob Cranshaw – baixo | Billy Higgins – bateria

‘Night And Day’ de Cole Porter

Night And Day está no top dos standards do segundo quartel do século XX. 
Escrita em 1932 por Cole Porter [9 Junho 1891 – 15 Outubro 1964], tem sido celebrada, desde Ella Fitzgerald a Bono e os U2, de Bing Crosby a Frank Sinatra, Diana Krall
Só para nomear alguns. Pois, mas cá por casa ouve-se mais Stan Getz & Bill Evans…

%d bloggers like this: