Arquivo de Janeiro, 2018

As últimas sonatas de Schubert

Na passagem de mais um aniversário do prolífico compositor austríaco, que nasceu neste dia em 1797 e morreu em 1828, com apenas 32 anos de idade.
Foi precisamente no último ano de vida que Franz Schubert compôs as três sonatas para piano – D 958, 959 e 960, esta última interpretada por Andreas Staier no pianoforte.

Anúncios

Aphrodite’s Child – 50 anos de ‘End of The World’

Demis Roussos [1946-2015] ascendeu ao Olimpo há três anos.
Em 2018 assinala-se o 50º aniversário do lançamento de ‘End of The World’, álbum de estreia de Aphrodite’s Child, banda de rock progressivo que integrava nomes como Demis Roussos e Vangeliscom uma presença singular no movimento Rock Progressivo em finais de 60 do século passado.
Mais do que recordar o cantor romântico, pretendo hoje destacar a colaboração entre os músicos em dois temas:

Do álbum ‘End of The World’ – 1968, o single ‘Rain in Tears’, numa recriação do Canon de Pachelbel.

Da banda sonora que Vangelis compôs para ‘Blade Runner’ – 1982, o tema ‘Tales Of The Future’

 

“Raul de Caldevilla – Vida e Obra”, na Sociedade Nacional de Belas Artes e na Cinemateca

A Exposição “Raul de Caldevilla – Cartazes de Sonho” apresenta uma colecção de posters publicitários e de cinema do realizador, argumentista, publicitário, produtor e distribuidor, que nasceu no Porto em 1877 e morreu em 1951. Organizada pela Academia Portuguesa de Cinema, poderá ser visitada entre 23 de Janeiro e 12 de Fevereiro na Sociedade Nacional de Belas Artes.

Paralelamente, a Cinemateca Portuguesa dedica um pequeno ciclo a Raul Caldevilla, uma das figuras mais importantes e originais dos primórdios do cinema português.

Mr. Griffith na Cinemateca

Decorre até final de Janeiro na Cinemateca um ciclo «sobre o cinema do medo, do grande quase abstrato medo que faz o espectador sentir-se sozinho, mesmo se a sala de cinema estiver cheia de gente», com uma selecção que atravessa todo o século XX.
De D.W. Griffith [22 Janeiro 1875 – 23 Julho 1948], pai fundador da sétima arte, que nos deixou The Birth of a Nation e Intolerance, respectivamente de 1915 e 1916, estão agendadas projecções nos dias 30 e 31 de An Unseen Enemy de 1912, o filme de estreia das irmãs Lillian Gish [1893-1993] e Dorothy Gish [1898-1968].

Tomaso Albinoni, ‘musico violino dilettante veneto’

De Tomaso Albinoni [8 Junho 1671 – 17 Janeiro 1751], compositor italiano contemporâneo de Arcangelo Corelli e Antonio Vivaldi (what a wonderful world),  o Concerto para oboé em ré maior, Opus 9, n.º 2.
Han de Vries, Ensemble Alma Musica Amsterdam e direcção de Bob van Asperen.

Gustav Leonhardt

Em dia de homenagem a Gustav Leonhardt (30 de Maio de 1928 – 16 de Janeiro de 2012), As Variações Goldenberg explicadas “direitinho” pelo Fernando Miguel Jalôto.

As Suites de Johann Bernhard Bach

Johann Bernhard Bach [1676-1749], membro relativamente desconhecido da família Bach, era primo mais velho de Johann Sebastian. Para um melhor conhecimento do seu legado musical, instrumental na sua totalidade, temos a interpretação, pelo Ensemble L’Achéron dirigido por François Joubert-Caillet, das quatro Ouvertures (Orchestral Suites), numa edição da outhere music.

Johann Bernhard Bach: Ouverture-Suite No. 1 in G Minor
Johann Bernhard Bach: Ouverture-Suite No. 3 in E minor
Johann Bernhard Bach: Ouverture-Suite No. 4 in D Major
Anúncios
%d bloggers like this: