Posts Tagged ‘ Ludwig van Beethoven ’

‘Concerto para violino Nº 22’, de Giovanni Battista Viotti

Giovanni Battista Viotti [12 Maio 1755 – 3 Março 1824], compositor e talentoso violinista italiano, fixou-se durante uma década em Paris, onde se estreou no Concert Spirituel em 1782, mas a Revolução Francesa fê-lo viajar para Londres em 1792, ano em que escreveu este Violin Concerto No. 22 in A Minor, G. 97.



Durante os dois anos seguintes, Viotti obteve grande sucesso como violinista nos concertos organizados pelo compositor e empresário alemão Johann Peter Salomon, que dirigiu as «London symphonies» de Joseph Haydn.
Em 1813, Salomon e Viotti integraram a lista dos membros fundadores da Royal Philharmonic Society. O concerto inaugural incluiu obras de dois compositores que Viotti conheceu pessoalmente, Joseph Haydn e Ludwig van Beethoven.



Ludwig van Beethoven’s death

Ludwig van Beethoven died in Vienna on this day 26 March in 1827. The artist Josef Teltscher, in the room at the time, made a number of drawings of the dying composer. This sketchbook is part of The British Library Music Collections.

Beethoven’s Archduke Trio

Na pesquisa de música para lembrar Pablo Casals [29 Dez 1876 – 22 Out 1973], ao escutar a gravação do Piano Trio, op. 97 de Ludwig van Beethoven [1770-1827] é inevitável regressar ao Triplo Concerto, Op. 56. Em primeiro lugar, foram ambos escritos para o Arquiduque Rudolph da Áustria, discípulo do compositor alemão; depois, pela composição dos luxuosos trios de intérpretes:

Triplo Concerto – David Oistrakh (piano), Mstislav Rostropovich (violino), Sviatoslav Richter (violoncelo)
Piano Trio – Alfred Cortot (piano), Jacques Thibaud (violino), Pablo Casals (violoncelo)

Beethoven por Rubinstein

Ludwig van Beethoven nasceu neste dia, em 1770; Ainda esta semana, a 20, passam 26 anos sobre a morte de Artur Rubinstein, um dos grandes pianistas do século passado.
Não sendo Rubinstein um dos maiores executantes de Beethoven, servem as datas de pretexto para ver e ouvir o primeiro movimento do Concerto para piano No. 3 e homenagear ambos.

%d bloggers like this: