Posts Tagged ‘ Cancioneiro ’

‘Missa Nunca Fue Pena Mayor’, de Francisco de Peñalosa

Francisco de Peñalosa [Talavera de la Reina, c . 1470 – Sevilha, 1 Abril 1528], sacerdote e compositor espanhol do Renascimento, foi um dos mais dignos de admiração dentro da geração anterior a Cristóbal de Morales. Da obra de Peñalosa foram preservadas seis missas, duas dezenas de motetos, sete magnificats, três lamentações e uma dezena de composições seculares. Da Missa Nunca Fue Pena Mayor para quatro vozes, composta sobre obra homónima a partir do Cancionero de Palacio, fica o Sanctus.


Álbum: Francisco de Peñalosa: Missa Nunca Fue Pena Mayor, 2011

Ensemble Gilles Binchois · Les Sacqueboutiers · Dominique Vellard

‘English Ayres’, de Thomas Campion

Thomas Campion [12 Fevereiro 1567 – 1 Março 1620], talentoso compositor inglês de canções para alaúde, escreveu em 1601 o cancioneiro A Booke of Ayres em parceria com o compositor e seu amigo Philip Rosseter [1568-1623].
Este género musical que floresceu em Inglaterra entre o final do século XVI e o início do século XVII, teve na poesia de Thomas Campion e no alaúde de John Dowland os mais expressivos representantes.


Álbum: English Ayres by Thomas Campion, 2000
Break Now My Heart and Die
Michael Chance, contratenor · Mark Padmore, tenor · Nigel North, alaúde
%d bloggers like this: