Aprés Les Trocks

Uma maravilha. Mesmo quem não seja espectador habitual de bailado clássico vai gostar, pois os bailarinos são todos tecnicamente muito bons, o que não acontece numa Companhia Clássica. Têm apontamentos geniais, como a brincadeira com a coreaografia de Balanchine, os gags são hilariantes e, mais surpreendente, esquecemo-nos que são homens! Há um calmeirão que dança com uma graciosidade e uma leveza invulgares.
Todos os bailarinos homens deviam ver este espectáculo; ganhariam alguma elasticidade e melhorariam aquelas pernas hipermusculadas e o bailado ganhava com isso.
Imperdível.

À margem: anteontem a sala estaria talvez a dois terços, o que foi pena. Curiosa, a plateia, com pouca gente nova, muito público idoso proveniente do bailado clássico e muitos casais alternativos.
Esta discriminação positiva reflete a nossa sociedade, que entende este tipo de espectáculo como sendo coisa de maricas, o que acaba por justificar também a presença de tantos casais alegres 🙂

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: